Enquete

Você acha que o Grêmio consegue esse ano o acesso a Série A?

Ver resultado

Carregando ... Carregando ...
SÃO SEPÉ Tempo

Sepeense é homenageada com o Titulo de Cidadã Honorária de Brasília

30 de maio de 2022 | Arquivado em Geral | 1.634 views

Dos pagos do Tupanci, interior de São Sepé, para a Capital do Brasil para se tornar uma das mais respeitadas educadoras de Brasília.
Essa é a trajetória da sepeense e professora Catarina Fontoura Costa que no último dia 25 de maio, foi homenageada em Sessão Solene de Outorga do Título de Cidadã Honorária de Brasília.
Catarina Costa nasceu em Tupanci, 5º Distrito de São Sepé, onde residiu até os 17 anos.


A homeneagem foi de autoria do Deputado Distrital Agaciel Maia, que apresentou o Decreto Lei 2.332 propondo que fosse conferido o Título de Cidadã Honorária de Brasília a Catarina Fontoura Costa como reconhecimento pelo trabalho realizado em prol da educação.
O Título de Cidadã Honorária é o título máximo que pode ser concedido a um homenageado pelo poder político do DF.

Clique no Link e assista vídeo da cerimônia:

https://www.youtube.com/watch?v=NzvaQCJpeXU

Cerimônia realizada na CLDF em Brasília- Fotos Divulgação

Conheça mais a trajetória da homenageada:

Catarina Fontoura Costa


Catarina Fontoura Costa: Filha de Feliciano Costa e de Marienta Fontoura Costa. Oitava filha entre os 11 filhos de Feliciano e Marienta.


 Graduada em Pedagogia, pela Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul
(1974).
 Graduada em Comunicação Social, pela Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande
do Sul (1979).
 Licenciada em Teologia, pela Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul
(1986).
 Pós-graduada em Recursos Humanos para Administração e Supervisão de Escolas, pela
Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul (1989).
 Curso de Sistemas de Gestão pela Qualidade em Serviços com Ênfase em Seminars for
Total Quality Management, pela NK Techno Service CO.,LTD. (1997).
 Mestranda em Administração e Gestão Educacional pela Universidade Aberta de Portugal.
Nasceu em Tupanci, 5º Distrito de São Sepé – RS, onde residiu até os 17 anos. Em 1967 foi estudar
no Colégio Maria Auxiliadora em Canoas – RS. Colégio da mesma rede do Colégio Madre Júlia de
São Sépe.
Em 1973 iniciou sua carreira profissional com Professora, onde lecionou para todos os Níveis de
Ensino, da Educação Infantil até a Pós-graduação, na Educação Superior.
Em 1986 passou a trabalhar como Diretora de Colégios da Educação Básica e integrou a diretoria
do Sindicato das Escolas Privadas do RS, SINEPE RS onde atuou por 10 anos.
Em 2002 deu início a um trabalho de consultoria para as Instituição de Ensino da Educação Básica
e Superior. Trabalhou em projeto estratégico para a UNISINOS, Universidade do Vale do Rio dos
Sinos, que fica em São Leopoldo. No mesmo período foi convidada a prestar uma consultoria
para o Grupo Projeção em Brasília Distrito Federal.
Em 2005 foi convidada para assumir a Gestão do Grupo Projeção como Diretora Executiva. Ao
aceitar este convite foi necessário morar em Brasília, pois a dedicação tinha que ser integral.
Trabalhou como Diretora Executiva do Grupo Projeção de 2006 até 2019, contribuindo para que
o Projeção configurasse como um dos Grupo Educacionais mais expressivos no Distrito Federal.
Ver a história no site: www.projecao.br
Em 2020 fundou o Colégio Digital, juntamente com seu sócio Professor Jose Sérgio de Jesus. O
Colégio Digital tem seu endereço no Jardins Mangueiral, Bairro do Distrito Federal.
Ver o site: www.colegiodigital.bsb.br

O pronunciamento de Catarina Costa na Sessão Solene:


” Com muita satisfação, saúdo a mesa das autoridades, na pessoa do Digníssimo Deputado Agaciel Maia, Professor Oswaldo Luiz Saenger, presidente do Grupo Projeção, Dr. Prof. José Sérgio de Jesus, Diretor de Educação do Grupo Projeção e Reitor do Centro Universitário Projeção,


Maria Fontoura Costa, que nesta mesa representa a minha família, juntamente com Aline Costa Mathias, Aurélia Costa Stoduto, Claudio Scherer, Davi e Arthur Mathias Gandim, todos sobrinhos queridos e filhos do coração.
Saúdo o Diretor, Prof. Leomir De Lima Pereira, a Equipe de Gestores – Todos os Professores e Auxiliares Administrativos – Os pais e os alunos do Colégio Digital.
Todos os Diretores, Gestores e Auxiliares do Grupo Projeção.
Saudação aos Diretores e Gestores do UNO – Nossos parceiros da Plataforma de Ensino que estão presentes, nesta solenidade.


Saúdo o Senhor Wlisses Fernando dos Santos, Gerente do Hotel Metropolitan, minha casa desde 2005.
Saúdo, também o Sr. Alexandre de Freitas Coelho, Diretor presidente da Top Line,
Saúdo todas as demais autoridades que nos dão a honra da sua presença, nesta cerimonia.
Colegas na missão de educar. Amigos e todos que aceitaram o nosso convite.
Me sinto honrada e prestigiada com a presença de todos.

No dia 27 de outubro de 2021 recebi o Diário Oficial do Distrito Federal com a publicação do Decreto Legislativo 2.332, de autoria do Digníssimo Deputado Distrital Agaciel Maia concedendo o Título de Cidadã Honorária de Brasília a minha pessoa.

Neste momento, meu coração bateu mais forte, minha alma resplandeceu de alegria a emoção se tornou inexplicável.
Em 2002 comecei a trabalhar para o Grupo Projeção e em 2005 aceitei o convite para assumir o cargo de Diretora Executiva do Grupo, onde trabalhei até 2019. Acredito que o meu maior legado para o Projeção foi a escolha e preparação da lideranças e gestores para darem continuidade a missão e a visão da Instituição.


Em 2020, apoiada pelo Professor Oswaldo e juntamente com o Professor Jose Sérgio damos início ao Colégio Digital, no Jardins Mangueiral. Projeto este que tem no seu DNA o compromisso com a educação do futuro, hoje. Estamos fazendo o possível e dando o nosso melhor do que somos e sabemos fazer.
Considero o trabalho realizado em prol da educação das crianças, jovens e adultos do Distrito Federal, uma missão de vida, um compromisso com a VIDA.

Porém, nunca imaginei que um dia estaria neste lugar, recebendo tamanha distinção e honra.
Tornar-se Cidadã Honoraria de Brasília é sem dúvida o maior título que já recebi. Supera todos os diplomas acadêmicos e homenagens de reconhecimento, que já recebi.
Como seria importante se a Dona Marieta e Sr. Feliciano Costa, meu pais hoje falecidos estivessem nesta cerimônia. Sentados em uma destas cadeiras, que são os lugares mais importantes do DF, pois elas são ocupadas por nossos Deputados Distritais para representar os interesses de todos os brasilienses.

Cidadã Honorária de Brasília, título que contém a magia da pertença, o privilégio de fazer parte de um seleto grupo de migrantes, que se tornaram nativos.

Conheci Brasília em 1.982, um passeio rápido, mas o suficiente para gravar a imagem da uma cidade diferente, mais parecida com uma grande exposição artística a céu aberto. Os prédios são verdadeiros monumentos, as vias enormes, verdadeira expressão do poder e das possibilidades.

Brasília foi um sonho de Dom Bosco, uma determinação constitucional, projeto de muitos, mas uma realização assertiva do Presidente mais ousado que o Brasil já teve, Juscelino Kubitschek, a quem reverenciamos prestando nossa homenagem.

Brasília ganhou forma na intuição de Lucio Costa e na inspiração artística Oscar Niemeyer.

Brasília dos Guerreiros, depois denominados Candangos, que trabalhavam 16 horas por dia para construir a cidade mais linda do mundo, a capital do Brasil, patrimônio da humanidade em mais ou menos 1.500 dias.

Esta é a origem de Brasília.
Porém, olhamos hoje para história e identificamos o heroísmo das lideranças do passado.
Mas identificamos também dedicação e compromisso do presente, civismo explicito de nomes que continua a nos dar motivos de orgulho e certeza que podemos continuar acreditando.
Eles:
Agaciel Maia, Oswaldo Saenger, Jose Sérgio de Jesus
Todas as lideranças educacionais.
Todos os professores.
Todos os trabalhadores e trabalhadoras que dão o melhor de suas vidas para continuar a construção de Brasília.

Brasília de todos nós, Brasília que nos acolhe e nos faz acreditar que é tudo é possível, basta confiar e realizar.
Agora sou sepeense e também Brasiliense, sou gaúcha e também candanga.
São Sepé ficou mais perto da capital do País… Obrigada Deputado Agaciel, o Senhor é o autor desta façanha…
Neste momento, peço licença ao grande Isaac Nilton, para fazer minha uma de suas grandes afirmações:

Se eu vi mais longe, foi por estar sobre ombros de gigantes!

Mais uma vez agradeço ao Deputado Agaciel Maia, pela distinção e honra com a qual me sinto agraciada.

Gostaria de compartilhar esta homenagem com todos os gestores, professores e auxiliares do Colégio Digital e do Grupo Projeção.

Ofereço este Título a todas as crianças e jovens de Brasília em especial para os alunos do Colégio Digital e dos Colégios Projeção.
Ofereço este Título também para o Arthur e o Davi, que nesta cerimônia representam as crianças do Brasil.

Obrigada a todos! OBRIGADA BRASILIA” CATARINA FONTOURA COSTA.


Mapa do Site

Fale Conosco

Fale conosco

    Nome (obrigatório)

    E-mail (obrigatório)

    Mensagem