Enquete

Qual seu interesse e posição pelas eleições Municipais do ano que vem?

Ver resultado

Loading ... Loading ...

Previsão do Tempo


Em Plenário 26 de setembro – Luís Garcia

26 de setembro de 2018 | Arquivado em Em Plenário, Opinião | 49 views

Luís Garcia

Se virando nos 30: O tenente Magno, comandante da Brigada Militar tem se esforçado e ido atrás de soluções para melhorar o seu efetivo em São Sepé. Não dá nem para falar em números para não alertar a bandidagem, mas o efetivo nunca esteve tão reduzido como agora. Uns transferidos, outros se aposentando, situação que preocupa e muito.

Diante desse fato o comandante Magno, que goza de grande prestigio junto ao alto comando da Brigada Militar tem conseguido amenizar o problema trazendo reforço do POE de Santa Maria, além da transferência, mesmo que temporária, de policiais para auxiliarem na escala.

Parabéns ao Tenente, pois em campo já pegava tudo como goleiro, fora de dele, tenta agora segurar e inibir a ação da bandidagem. Como se diz na gíria: “se virando nos 30”.  A sociedade sepeense agradece meu caro comandante Magno.

 

Se virando nos 60: Se o comandante da Brigada Militar anda “se virando nos 30”, o pessoal da Polícia Civil está “se virando nos 60”, isso porque, especialmente nos fins de semana e feriados, estão tendo que atender ocorrências sem ganhar hora extra.

Ninguém é obrigado a trabalhar de graça, mas pior do que isso, é um policial não ver seu esforço reconhecido e saber que o tempo perdido em alguns casos, acaba em vão, pois os delinquentes detidos pela polícia não ficam presos ou quando isso ocorre, no outro dia estão na rua praticando os mesmos crimes,  atormentando e deixando a sociedade com medo.

Já questionamos diversas vezes os magistrados de São Sepé, que hoje não estão mais na Comarca, sobre as decisões de soltar presos que são reincidentes em furtos, roubos e outros crimes.

A resposta sempre foi de que o juiz apenas cumpre a legislação e que se sociedade quer que isso mude, a pressão deve ser para o Congresso Nacional, afim de que mude a legislação penal.

Até concordo em parte com esse argumento, mas que os magistrados bem que poderia em certos casos, terem uma decisão mais rígida contra a bandidagem, isso mudaria essa sensação de impunidade que as pessoas sentem e diminuiria e muito a reincidência de ocorrências policiais.

 

 

Tudo como dantes no quartel de abrantes: 

As eleições se aproximam e como se esperava, os candidatos seguem com os mesmos discursos, promessas e sem nada de concreto para que o povo possa confiar. Uns até tentam dizer algo diferente, mas entre o dizer e fazer a distância ainda muito grande. Em meio a isso, o radicalismo de extrema direita e extrema esquerda, que acaba muito bem explícito nas manifestações fervorosas nas redes sociais, onde cada um tenta defender o seu, atacando odiosamente o outro.

É, Tudo como dantes no quartel de abrantes 

Deus nos salve e que vença um candidato que possa amenizar os problemas do no Brasil. 

 

 

Para Refletir: “Viva de forma que ao falarem em sinceridade, bons valores, postura, respeito, elegância, generosidade, gentileza, bondade, caráter, integridade… As pessoas simplesmente lembrem de VOCÊ! (Talita Galhardo)


Mapa do Site

Fale Conosco

Fale conosco

Nome (obrigatório)

E-mail (obrigatório)

Mensagem