Enquete

Qual seu interesse e posição pelas eleições Municipais do ano que vem?

Ver resultado

Loading ... Loading ...

Previsão do Tempo


Dr. Witeck e seu amor pela natureza – Sérgio Almeida

5 de junho de 2019 | Arquivado em Opinião | 35 views

 Dia 5 de junho, comemorou-se o Dia Mundial do Meio Ambiente. E no Rio Grande do Sul não há como falar ou escrever sobre preservação do meio ambiente sem citar o Dr. Acido Witeck, o médico militar que nasceu em 1929 na cidade de Piritiba (SC) e se transferiu para Cachoeira do Sul em 1960, onde residiu até sua morte, em 2 de agosto de 2004. Conforme sua vontade, seu corpo foi cremado e suas cinzas repousam no maior parque privado da América Latina: o Parque Witeck, no município de Novo Cabrais (www.parquewiteck.com.br). “Através das plantas, a gente poder viajar pelo mundo estando no mesmo lugar”, filosofava. Em sua homenagem foram colocadas três pedras no Recanto da Paz, devido ao fato de o ambientalista adquirir sempre três exemplares de cada espécie de plantas. Local onde o filho Henrique, atual administrador do parque, costuma se inspirar: “Quando surge um problema, eu deito em um dos bancos: e agora paizão, o que eu vou fazer? E dali saí a resposta”.

Ano passado, durante a 34ª Feira do Livro de Cachoeira do Sul da qual fui convidado a ser patrono, lancei o gibi infantil educativo “O homem que plantou árvores” com o propósito de destacar o legado de consciência ambiental deixado por “Tetéco” – como eu costumava chamá-lo carinhosamente no meu tempo de guri –, pois cada árvore que ele plantou, foi um presente às próximas gerações.

Entendendo que a leitura na educação infantil é um hábito a ser desenvolvido, escolas estão usando o livro em sala de aula e eu, volta e meia, recebo mensagens informando que a obra tem disparado boas conversas entre os estudantes. Semana passada, foi a vez de uma professora da Escola Estadual Dr. Liberato Salzano Vieira da Cunha, da capital nacional do arroz: “A dramatização do livro pelos alunos da turma 42 emocionou pais, alunos e professores. As crianças, devidamente caracterizadas, representaram os personagens de ‘Cachoeirópolis’, que fizeram sucesso e o Rei Tetéco conscientizou a todos da necessidade de plantarmos árvores. As crianças deram vida a tudo o que escreveste”.

O vídeo, postado no Facebook, me emocionou bastante. E minha alma se encheu de alegria, pois, para mim, é uma honra sem tamanho poder contar às crianças um pouco do que fez o Dr. Witeck, idealizador do Parque Witeck, um homem que amou a natureza como poucos. 


Mapa do Site

Fale Conosco

Fale conosco

Nome (obrigatório)

E-mail (obrigatório)

Mensagem