Enquete

Qual time gaúcho tem mais chances de ser campeão do Brasil?

Ver resultado

Loading ... Loading ...

Previsão do Tempo


Donos de quadras esportivas fazem manifesto em Porto Alegre

28 de agosto de 2020 | Arquivado em Esportes | 281 views

Donos e funcionários de quadras fazem manifesto em Porto Alegre pela volta das atividades. São Sepé esteve presente.

Grupo foi recebido por Ernani Polo- Foto: Joel Vargas

Com atividades suspensas devido ao enfrentamento da pandemia de coronavírus, donos e funcionários de quadras esportivas realizaram um protesto na quinta-feira (27) em Porto Alegre.
De São Sepé esteve presente o proprietário do Deutsche Arena, Ricardo Borba (Bigu), que desde de março tem seu centro de esportes fechado, devido a pandemia.
Com faixas e camisetas de empresas do setor, o grupo, de cerca de cem pessoas, foi recebido em frente à Assembleia Legislativa pelo presidente Ernani Polo (PP) e pelo secretário estadual do Esporte e Lazer, Francisco Vargas.


A posição dos proprietários de quadras de esportes:
Bruno Carrão, um dos líderes da União Estadual de Quadras Esportivas, informou que a entidade representa o setor em 27 municípios gaúchos. Nesta semana, a entidade entregou ao governo do Estado sugestão de protocolo para que seja liberado o funcionamento dos empreendimentos do setor. “Não aguentamos mais essa situação de não poder trabalhar e ficar sem renda há mais de cinco meses. Muitos espaços são ao ar livre, com muito espaço. Por que não podemos funcionar a exemplo do que ocorre com as academias?”, questionou, acrescentando que o grupo aguarda um cronograma de reabertura por parte do governo.
O que disse o presidente da Assembléia:
Diante dos manifestantes, Polo disse compreender a angústia e a ansiedade de cada um deles. O parlamentar informou que vai se empenhar junto ao governo do Estado para tentar acelerar o processo de reabertura das quadras esportivas, seguindo todos os protocolos de segurança determinados pelas autoridades sanitárias. “Vamos reforçar o pedido junto ao governador, vamos nos somar a essa luta”, disse. O secretário também se comprometeu a levar a pauta adiante.


Bigu pede apoio das autoridades de São Sepé:


Ricardo Borba disse que espera que as autoridades de São Sepé se posicionem de forma que as atividades esportivas amadoras possam voltar. Ele disse que sente-se sozinho nessa luta, que não tem encontrado apoio de nenhum segmento e conclama os frequentadores e desportistas que utilizam o Deutsche Arena para jogar, que se engajem nessa luta junto as autoridades.
Conclamo aos demais colegas que tem espaços como os meus, que entrem nessa luta. Não aguentamos mais, estamos parados, perdendo dinheiro e não vejo ninguém mobilizado nessa causa. Não consigo entender que outros seguimentos com maior risco de contágio, possam trabalhar e nós não. Nosso local é aberto, não é uma quadra fechada, nos propomos a seguir as normas das autoridades de saúde, afinal esporte também é saúde, fisica e mental. Por favor nos ajudem. ” disse Ricardo Borba.

Executivo se manifesta sobre o tema:

O Executivo Municipal de São Sepé se posicionou no inicio da noite desta sexta-feira, 28, sobre a proibição de atividades esportivas amadoras.
O prefeito Léo Girardello disse que sempre deu apoio e atendeu o proprietário do Deutsche Arena, Ricardo Borba no Gabinete, afim de que os seus pleitos em relação a retomada das atividades esportivas, fossem retomadas.
Após estudos, o Executivo Municipal entendeu ingressar com uma demanda judicial, perante a 1ª Vara judicial de São Sepé.
A Ação foi protocolada hoje pelo procurador do Município, Cláudio Adão Amaral de Souza, hoje no Fórum de São Sepé e será analisada pelo Juiz Francisco Schuh Beck.
Segundo o Procurador, a alegação da petição é para que o município possa legislar e deliberar sobre o tema, pois conforme a Constituição Federal, artigo 30, inciso I e III, cabe ao prefeito e não ao governador a competência de legislar.
Esse impedimento está ocorrendo porque o Decreto do Estado, proíbe os prefeitos de liberarem a pratica do futebol amador.
Se o magistrado der parecer favorável, o prefeito irá liberar a pratica de esportes na cidade, disse o procurador.
” Nunca fomos contra nenhuma classe, entidade ou pessoa, sempre estivemos prontos a ouvir e buscar a melhor solução, claro respeitando os protocolos de saúde e principalmente a legislação. O ingresso dessa ação no judiciário, é a prova de que estamos empenhados nesse pleito dos proprietários de quadras esportivas” disse o prefeito Léo.


Mapa do Site

Fale Conosco

Fale conosco

Nome (obrigatório)

E-mail (obrigatório)

Mensagem